07 de agosto, 2019

Pior que o 7 x 1 é o 10 x 1 de hoje, por Gilberto Maringoni em seu FACEBOOK

Ao bulir com Gilmar Mendes, Deltan Dallagnol, o operador de Moro, trombou com cachorro maior que ele. E não segurou o rebote. Raras vezes se viu no mundo político brasileiro isolamento tão grande e tão rápido quanto o da equipe da operação Lava Jato.

FACEBOOK de Gilberto Maringoni em 07/agosto/2018 às 18:00via Jornal GGN -  Artigos Política em 07/08/2019 - imagem capa: GGN

Classificada como “organização criminosa” por Gilmar Mendes há dois dias, a turma de Curitiba – certamente com conhecimento de causa de seu capo Sergio Moro – decidiu trucar alto diante das inexplicáveis tramas de Dallagnol & asseclas contra juízes do STF. A súbita decisão de transferir o ex-presidente Lula de Curitiba para um presídio em São Paulo tinha toda a pinta de decisão-lacração que intimida inimigos e faz tremer o mundo à sua volta.

Certamente a organização araucária não contava com a rápida reação do mundo político. Nada menos que 12 partidos de várias gradações políticas do Congresso protestaram contra a medida, incluindo o presidente da Câmara, Rodrigo Maia.

A decisão por 10 X 1 do pleno do Supremo, tomada com celeridade recorde, é péssima notícia para Sérgio Moro e sua turma. Ao bulir com Gilmar Mendes, Deltan Dallagnol, o operador de Moro, trombou com cachorro maior que ele. E não segurou o rebote.

Pendurado na brocha fica João Dória, babaca juramentado, que tentou tirar casquinha da situação.

O Brasil não tem roteirista único. Daria uma série eletrizante.
__________________________________________________________

Gilberto Maringoni de Oliveira (foto), jornalista, cartunista e professor universitário brasileiro. É professor de Relações Internacionais da Universidade Federal do ABC, tendo lecionado também na Faculdade Cásper Líbero e na Universidade Federal de São Paulo.
__________________________________________________________
Acesse, curta e recomende o JORNAL DO NASSIF

Participe do BLOG e comente esta matéria (dentro das regras abaixo)!

- Enviaremos um e-mail para confirmar se a postagem realmente é sua e não um fake (seu endereço de e-mail não será publicado, será mantido sob sigilo).
- Os comentários serão moderados e as opiniões aqui expressas são de responsabilidade exclusiva do autor do comentário.
- Não serão aceitas mensagens com links externos ao site, em letras maiúsculas, que ultrapassem 1000 caracteres, com ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência.
- Não há, contudo, moderação ideológica.
A ideia é promover o debate mais livre possível, dentro de um patamar mínimo de bom senso e civilidade.
Obrigado!

Limite de caracteres no comentário : 1000

Total restante: